Prática do ciclismo em Espera Feliz se fortalece com o grupo Elo das Montanhas

O município de Espera Feliz, além de estar ganhando visibilidade por seu potencial turístico e a produção dos cafés especiais, vem chamando atenção e conquistando pessoas de todas as partes para a prática do mountain bike, tanto em eventos ciclísticos quanto em passeios turísticos.

Publicado em 24/08/2018 - 13:03    |    Última atualização: 24/08/2018 - 13:55
 

Para quem mora em Espera Feliz e região é perceptível um fenômeno que, cada vez mais, se destaca em todo o entorno da Serra do Caparaó. Trata-se da modalidade esportiva do ciclismo – ou, como os adeptos preferem chamar, do “mountain bike” – que desde 2012 vem tomando corpo e atraindo mais pessoas à prática deste esporte.

Em maio de 2014, quatro amigos de Espera Feliz, Rafael Peixoto, Izaque Távora, Tarcisio Zini e Wemerson Santos “Neguitim”, tiveram a ideia de criar um grupo de pedal, o que acabou resultando, nos meses seguintes, na realização de um evento direcionado ao ciclismo. Esta primeira edição, embora não tenha tido muitos participantes, foi fundamental para unir os ciclistas da cidade. Após o evento, o número de membros do grupo aumentou e com isso foi criada uma página no Facebook pela qual se realizou votação para decidir qual nome e logo representariam o grupo. Assim surgiu o “Elo das Montanhas”, o já consolidado grupo dos amantes da bicicleta.

No ano de 2015, o EM firmou parcerias para a realização do primeiro Epic Moutain, uma competição sediada no município de Espera Feliz e que contou com 165 participantes. “O evento não saiu como o esperado, mas com os erros pudemos aperfeiçoar as edições seguintes”, explica Rafael Peixoto, atual presidente do Elo das Montanhas. Já o segundo Epic Mountain, realizado em 2016, atingiu o limite de 300 inscrições um mês antes do evento.

Foto: Romeu Campos.

Com este sucesso, foi então criada a Associação do Elo das Montanhas, da qual qualquer ciclista pode participar, mediante o pagamento de uma taxa de inscrição e com isenção de mensalidades. Na edição de 2017, o Epic Mountain atingiu 490 inscritos e contou com palestra motivacional ministrada pelo atleta Brou Bruto Drews. E na última edição, em fevereiro deste ano, a competição atingiu o recorde de 635 ciclistas participantes, que assistiram à palestra do Dr. Christian, cardiologista do canal Segredos do Mountain Bike. “A novidade é que em 2018 foi oficializado no evento o Elo Food Festival, que reúne toda a culinária local como os cafés, cervejas artesanais, comidas típicas entre outros”, define Rafael.

Bicicleta e café

Além do Epic Mountain, o EM também realiza o Bike com Café, passeio ciclístico que tem como destino A Cafeteria no Sítio Santa Rita, zona rural do município de Espera Feliz, lugar muito procurado por turistas de todas as partes. Parceira desta modalidade esportiva, o diferencial d’A Cafeteria é que para os ciclistas que lá visitam, o café é sempre gratuito, utilizando como chamariz o simpático slogan “vem de bike que o café é por nossa conta”. Segundo Fred Ayres, sócio-proprietário e barista d’A Cafeteria, quando o empreendimento foi inaugurado, há quatro anos, uma moça chamada Edilene chegou até lá de bicicleta e pediu um café, mas admirados com sua determinação para pedalar uma longa distância, resolveram não cobrar o cafezinho. A partir daí, adotaram a ideia.

Do ciclismo amador ao profissional

O Elo das Montanhas está muito bem representado nas competições estaduais e nacionais pelos atletas locais Ana Luiza Siqueira e André Zanini, que estão levando o nome do grupo e de Espera Feliz para muitos lugares.

O novo projeto da diretoria do EM é o Elo Bike Park, que tem como objetivo a realização de eventos esportivos radicais na cidade e terá espaço com quatro pistas de competição para XCO, downhill, tracking e uma pista menor para crianças. Com infraestrutura sustentável e visando a preocupação ecológica, serão replantadas no local cerca de 100 árvores no entorno das pistas com intuito de reflorestamento da área e preservação ambiental.

* * *

Reportagem do projeto “Interventor Repórter”.
Saiba mais sobre o projeto aqui.

Parceria: E.E. Interventor Júlio de Carvalho e Portal Espera Feliz.

Texto: Lucas Santiago Mazin, 16 anos, estudante do 1º ano do Ensino Médio

Professor Orientador: Farley Rocha


  • Plano Assistencial Familiar Vida

    Rua João Alves de Barros, 277
    Centro - Espera Feliz - MG

    (32)3746-1431

    Plantões
    (32) 98414-4438 / (32) 98414-4440

Clique aqui e veja mais