Homem é preso suspeito de abusar sexualmente de menina de 10 anos em Muriaé

Um homem de 48 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira (29), no bairro São Joaquim em Muriaé, acusado de abusar sexualmente de uma menina de 10 anos. O fato teria acontecido em uma obra, na residência onde a criança mora. A Polícia Militar foi acionada pelo pai da garota. De acordo com o cabo […]

Publicado em 01/03/2012 - 13:57    |    Última atualização: 01/03/2012 - 13:57
 

Um homem de 48 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira (29), no bairro São Joaquim em Muriaé, acusado de abusar sexualmente de uma menina de 10 anos. O fato teria acontecido em uma obra, na residência onde a criança mora.

A Polícia Militar foi acionada pelo pai da garota. De acordo com o cabo Roberto, que foi o primeiro a chegar no local, juntamente com o soldado Estevam, o homem contou que chegou em casa e sua filha estava chorando. Ela teria contado a ele que o suspeito, que havia trabalhado para a família como pedreiro, chamou no portão e pediu água. Segundo a menina, o homem a agarrou, tapou sua boca e a levou para a obra, nos fundos, onde tirou toda sua roupa e praticou sexo oral com ela. Ela contou ao pai que o agressor ainda lhe deu R$ 2,00 para que ela não contasse nada a ninguém.

A suposta vítima contou a mesma versão aos policiais, e eles então, foram até a casa do suspeito, que segundo sua esposa, sofre de epilepsia, e acabou tendo uma convulsão durante a abordagem. A PM acionou os bombeiros, que levaram o suspeito para o Hospital São Paulo. A menina também foi encaminhada para a unidade para exames que poderiam confirmar ou não o abuso.

Uma viatura do Tático Móvel também foi chamada, pois devido à natureza do caso, o clima começou a ficar tenso, quando moradores souberam que se tratava de abuso sexual contra uma criança.

Após ser liberado do hospital, o homem foi encaminhado para a Delegacia do bairro Safira, para prestar depoimento à Polícia Civil. O PM cabo Roberto, que também foi ouvido pelo delegado, disse à reportagem, que o acusado provavelmente seria autuado, acrescentando que testemunhas e outras pessoas que não quiseram se identificar, alegaram que não é a primeira vez que o suspeito abusa ou tenta abusar de menores no bairro.

O policial deixou ainda uma orientação para que outras possíveis vítimas do mesmo homem, compareçam à delegacia para prestar queixa, pois ainda é possível realizar o procedimento.

Com informações da PM e Rádio Muriaé.


  • Plano Assistencial Familiar Vida

    Rua João Alves de Barros, 277
    Centro - Espera Feliz - MG

    (32)3746-1431

    Plantões
    (32) 98414-4438 / (32) 98414-4440

Clique aqui e veja mais