Após 28 anos de combate ao crime, Rogério Ribeiro se aposenta em Espera Feliz

"Basta-me dizer uma passagem do livro sagrado: combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé", disse Ribeiro.

Publicado em 09/10/2019 - 17:41    |    Última atualização: 09/10/2019 - 17:43
 

Nesta terça-feira (08), aposentou-se como Investigador da Polícia Civil o conhecido Rogério Ribeiro. Foram 28 anos de sua vida dedicados à segurança pública de MG – em especial ao município de Espera Feliz.

Transcrevemos abaixo o irretocável relato publicado pelo próprio “Ribeiro” – como é conhecido entre aqueles com quem convive – em seu perfil do Facebook.

“Em janeiro de 1991 iniciei o curso de formação de soldados no 11° Batalhão da Polícia Militar (PMMG), sendo um policial militar combativo.

Em 1997 iniciei o curso de formação de Detetive da Polícia Civil de Minas Gerais. O combate ao crime perdurou por 28 anos e 10 meses como policial.

Muito jovem, lembrei-me de meu saudoso pai me incentivando a fazer o concurso da PMMG. E assim foi o início da minha carreira como policial. Hoje, com imenso pesar, profunda tristeza em meu coração, encerrei a minha carreira policial, me sentindo enlutado, pois, com a minha aposentadoria, não mais estarei combatendo o crime diretamente, servindo a população mineira e, em especial, a população esperafelicense.

Os meus agradecimentos: a Deus, que manteve firme, me livrou das ciladas do inimigo, me protegeu, e me guiou nas trevas e foi a minha rocha inabalável; ao meu saudoso pai, SINVAL GONCALVES RIBEIRO, grande homem, pai amoroso e que me deu os princípios que carregarei por toda a eternidade e que serão ensinados às minhas filhas, um exemplo de pessoa que me amou e me incentivou; à minha amada esposa, Dorothea, carinhosamente conhecida por Doró, pessoa amiga, incentivadora, que jamais perdeu a fé em Deus e sabiamente nos manteve unidos e em família; às minhas filhas, as quais me tornaram um homem cheio de falhas, mas melhor, que foram responsáveis por noites acordado, por preocupações, por tudo de maravilhoso na minha vida, por se preocuparem verdadeiramente comigo e responsáveis por eu me preocupar em voltar todos os dias pra casa vivo; aos meus companheiros de trabalho, de árdua caminhada, com os quais tive a honra de trabalhar, salvo exceções; aos meus amigos, verdadeiros amigos; aos meus inimigos, sem os quais eu não teria conseguido vencer, pois a força contrária não resultou no meu insucesso; agradecimentos também a cada cidadão ordeiro, morador da nossa comarca, a quem tive a honra de servir e proteger; agradeço também a cada criminoso, que lamentavelmente cometeram erros e que pensaram que na nossa comarca ficariam impunes, que pensaram que as investigações que participei não surtiriam a apuração do crime e consequentemente não seriam levados a julgamento e punidos; agradecimentos também às minhas sobrinhas, grandes malas, Bruna, Bárbara e Isabela, as quais fizeram parte do meu engrandecimento como homem e tio; meu agradecimento, meu respeito e meu amor pela pessoa que incansavelmente esteve de joelhos, orando por mim e por minha família, minha mãe adotiva Lêda, que, além desse gesto de amor, me bateu com suas palavras amorosas e me orientou a sempre seguir o caminho de Deus pai (claro que tive momentos de desobediência, mas não posso ficar desamparado por Deus, o meu Criador, a quem me mantém firme).

Caso não tenha mencionado outras pessoas, minhas sinceras desculpas. Basta-me dizer uma passagem do livro sagrado – combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.

O meu muito obrigado a todos.”

Minas Gerais – e Espera Feliz, em especial – perde um grande pilar na luta contra a criminalidade e a impunidade, mas a família do Ribeiro certamente estará melhor curtindo, com ele, o merecido descanso após uma vida de serviços bem prestados.

Da redação do Portal Espera Feliz.


  • Plano Assistencial Familiar Vida

    Rua João Alves de Barros, 277
    Centro - Espera Feliz - MG

    (32)3746-1431

    Plantões
    (32) 98414-4438 / (32) 98414-4440

Clique aqui e veja mais