Mulher de Espera Feliz é encontrada espancada em Dores do Rio Preto

Publicado em 04/03/2019 - 22:57    |    Última atualização: 04/03/2019 - 23:03

Namorado da vítima é o principal suspeito

Jane Cherobin da Silva , de 36 anos, foi brutalmente agredida e abandonada seminua às margens de uma rodovia de Pedra Menina, zona rural de Dores do Rio Preto, na madrugada desta segunda-feira (04). O principal suspeito é o namorado da vítima, Jonas Amaral, de 34 anos, que está foragido.

Jane estava trabalhando em uma choperia em Pedra Menina junto ao namorado, quando por volta das 3h fechou o estabelecimento e seguia para casa, em Espera Feliz, município mineiro onde o casal reside.

O texto continua após a publicidade...

Cleiton Cherobin da Silva, que é gerente do local onde Jane e o namorado trabalhavam, teve um mau pressentimento e ligou para a irmã. Quem atendeu foi Jonas, ele contou que a mulher já estaria em casa e que os dois haviam se desentendido.

Desconfiado, Cleiton chamou outro irmão da vítima, Salvador Cherobin da Silva, e acionaram o delegado de plantão. Eles encontraram a mulher desacordada às margens da rodovia, muito ferida e com o rosto desfigurado.

“Foi chocante, achei minha irmã praticamente morta, muito ensanguentada, uma situação muito difícil”, afirmou Salvador.

Os irmãos socorreram a mulher para o Hospital de Espera Feliz, mas devido ao estado delicado de Jane, ela foi transferida para o Hospital Casa de Caridade de Carangola, onde continua internada, mas não corre risco de morrer.

De acordo com a família, Jane namorava com Jonas há cerca de um ano e meio. Ela trabalha como vendedora em uma loja de caçados em Espera Feliz e aos finais de semana ajuda o irmão no comércio em Pedra Menina.

Jonas Amaral, principal suspeito do crime.

O carro de Jonas foi encontrado abandonado e o suspeito não foi localizado. A polícia pede que qualquer denúncia seja feita por meio do 181 e 190, não é preciso se identificar.

O caso será investigado pela Delegacia Regional de Alegre.

Com informações do AquiNoticias.com

Deixe seu comentário