Homem é detido em Espera Feliz depois de marcar encontro com menor pela internet

Publicado em 30/05/2017 - 09:15    |    Última atualização: 31/05/2017 - 14:11

Pai do jovem conversou com suspeito fingindo ser a vítima e marcou encontro.

Um homem, de 31 anos, morador da cidade de Caiana, foi detido na tarde desta segunda-feira (29) próximo ao terminal rodoviário de Espera Feliz. Ele havia marcado um encontro com um adolescente de 15 anos através do Facebook.

Segundo os registros policiais, o adolescente usava o celular da sua mãe para acessar a rede social. O pai do jovem passou a conversar com o homem se passando pelo menor, até que marcou de se encontrar com ele no terminal rodoviário.

O pai levou os fatos ao conhecimento da Polícia Civil. Com uma equipe policial monitorando a situação, o adolescente foi ao encontro marcado, tendo sido abordado pelo suspeito na rodoviária. Vítima e suspeito foram saindo do local em sentido à rua Ernesto Grillo, se dirigindo ao anel rodoviário. Neste momento os policiais resolveram abordar o suspeito.

No local da abordagem o homem disse que estava ali dando conselhos ao menor. Já na delegacia, o suspeito afirmou que não sabia que o jovem era menor de idade, só tendo percebido quando o abordou na rodoviária. Ele informou, ainda, que usou um computador da escola onde trabalha em Caiana para manter contato com o adolescente. O diretor da escola foi informado e entregou o computador aos policiais.

O teor exato das conversas entre o adolescente e o suspeito não foi revelado nos registros policiais.

ATUALIZAÇÃO – 30/05/2017 às 12:55 horas

A notícia foi publicada no Portal Espera Feliz às 9h15 de hoje (30/05). Inicialmente o título e o texto informavam que o suspeito havia sido preso. A informação foi corrigida às 12h55, quando apuramos que o suspeito não ficou preso. Ele foi detido e levado à delegacia, onde prestou esclarecimentos.

ATUALIZAÇÃO – 31/05/2017 às 13:50 horas

O Portal Espera Feliz apurou que, ao contrário do que foi noticiado no início, o jovem não chegou a trocar mensagens com o autor. Desde o primeiro contato do suspeito com a vítima, seu pai já começou a se passar pelo menor, até que se marcou o encontro que levou à abordagem do autor.

Da redação do Portal Espera Feliz.

Deixe seu comentário